FINADO / Mário Coelho

FINADO / Mário Coelho
18/03/2016 Marta Alameida Santos

finado
PRIMEIRA PARTE
Mário Coelho

1-3 fevereiro 2018 | quinta – sábado | 21h30
4 fevereiro 2018 | domingo | 16h e 21h30
7,50€ [bilhete normal] | 5€ [desconto] | [dur: 100min] 

 

dedicado a Pedro Baptista

“é sobre…
acho que…
parece-me que…
isto é…
gosto!
quatro corpos concretos. dois corpos menos concretos. ninguém sabe o que quer dizer, o que quer fazer, o que quer provocar. filhos procuram pais. pais procuram filhos. querem todos ser amados e talvez amar, racionalmente falando. todos cegos numa ilha que pode ser uma sala que pode ser um teatro que pode ser um jardim de infância que pode ser a casa da minha ama que pode ser o Purgatório que pode ser uma máquina de lavar. o mundo lá fora não interessa. contribui-se para a ideia de espectáculo. a gueixa com a máscara não está no corpo certo. o Bambi perdeu a mãe. ele diz que tudo isto não é paixão ou desejo. é amor. ela está morta, mas continua a jogar. a bailarina é perseguida pelas suas próprias ancas. nota do encenador: fecha-se uma trilogia: os temas são os mesmos: bye bye infância, olá oblívio: isto não pode ir abaixo/ têm que provar que estão vivos para então provarem que conseguem e podem morrer: eu só quero que saibam que vos amei e que estive aqui: todos no cemitério dos Olivais para celebrar a morte de um filho de uma porca: ele diz que cavalos são o seu ascendente animal.”

 

/ ficha técnica e artística

texto e encenação Mário Coelho
assistência de encenação Ana Valentim
elenco Ana Valente, Erica Rodrigues, Francisco Sousa e Nádia Yracema desenho de luz Manuel Abrantes
produção e figurinos Ana Valentim e Mário Coelho
cartaz Igor Ramos

 

/ biografias aqui em breve

 

/ / / /
marcações e reservas
bilheteira abre 30 minutos antes do início do espetáculo
912 191 940 (reservas entre as 16h e as 20h, em dia de espetáculo até à hora de início do mesmo) ruadasgaivotas@teatropraga.com

finado
PART ONE
Mário Coelho

FEBRUARY 1-3 2018 | THURSDAY – SATURDAY | 9.30 PM
FEBRUARY 4, 2018 | SUNDAY | 4 PM and 9.30 PM
7,50€ [NORMAL TICKET] | 5€ [DISCOUNT] | [DUR: 100MIN] 

 

dedicated to Pedro Baptista

“is about…
I Think…
it seems to me that …
this is…
I like it!
four concrete bodies. two less concrete bodies. nobody knows what they want say, what you want to do, what you want to provoke. children look for parents. parents seek children. they all want to be loved and maybe to love, rationally speaking. all blind on an island that can be a room that can be a theater that can be a garden of childhood that may be my mistress’s house that may be Purgatory that can be a washing machine. the outside world does not matter. contributes to the idea of show the geisha with the mask is not in the right body. Bambi lost his mother. he says that all this is not passion or desire. it’s love. she is dead but continues to play. the dancer is chased by her own hips. director’s note: a trilogy is closed: the themes are the same: bye bye childhood, hello oblivius: this can not go down / have to prove that they are alive to then they prove that they can and can die: I just want them to know that you I loved it and I was here: everyone in the Olivais cemetery to celebrate the death of a son of a sow: he says that horses are his animal ascendant.”
/ credits